Publicidade

Arquivo da Categoria Dicas

segunda-feira, 20 de agosto de 2012 Dicas | 11:23

O brechó de Bruna Tenório

Compartilhe: Twitter

Quem mora em Maceió ou viaja à capital alagoana não pode deixar de ir à loja Sfilata, na Avenida Álvaro Calheiros, 588, no bairro de Jatiúca. A multimarcas tem uma boa seleção de roupas e acessórios, mas o melhor fica em uma arara no fim da loja: o brechó da top model  Bruna Tenório.

O espaço atrai até aqueles que não são tão chegados assim em vintage shops. Os preços variam de R$ 60 a R$ 2 mil. Na arara, peças novas – algumas com etiqueta! – e seminovas de marcas famosas, como Marc Jacobs, Moschino, Phillip Lim e Reinaldo Lourenço. Há também sapatos, incluindo pares das grifes BCBG Max Azria, Michael Kors, Chanel, Dior e Nicholas Kirkwood, e bolsas, como Marc Jacobs (por R$ 690) e Hermès (por R$ 1.800, ainda com etiqueta), e acessórios.

Além das peças de Bruna, há outras que foram das modelos Lovani Pinnow e Vivi Orth. As compras podem ser pagas à vista ou com cartões de crédito Visa, Mastercard e Hipercard. O melhor de tudo é que você pode descolar uma pechincha e ainda ajudar quem precisa: parte da renda obtida com as vendas é revertida para a Apala (Associação dos Pais e Amigos dos Leucêmicos de Alagoas).

Autor: Tags:

quinta-feira, 15 de março de 2012 Dicas, Lançamentos | 17:48

Maria Filó para C&A

Compartilhe: Twitter

Peças tiveram de ser repostas minutos após a abertura da loja. Foto: João Sal

A coleção da carioca Maria Filó para C&A é a maior lançada pela rede de fast fashion em parceria com uma marca. E tem tudo para ser um grande sucesso. As peças chegaram hoje pela manhã a 97 lojas. No Shopping Iguatemi São Paulo, algumas, como as camisas de poliéster que nem parecem tão sintéticas  assim, sumiram rapidamente das araras e tiveram de ser repostas. Vestidinhos e tricôs – carro-chefe da marca – também caíram no gosto das clientes, que tinham vários estilos e diferentes idades.

As peças foram desenvolvidas em um mês, contou a estilista Roberta Ribeiro. São best sellers da marca, alguns atualizados de acordo com as tendências atuais. “Ficamos muito felizes com o convite, pois é uma conquista para a Maria Filó e significa que a marca está mais sólida”, disse Roberta.  Atualmente, a Maria Filó tem 50 lojas, além das multimarcas em que está presente em todo o País. A ideia da parceria é que novos consumidores passem a conhecer a marca, mas que quem já é cliente também possa comprar peças com preços mais acessíveis. “Coleções como esta geram desejo, pois as pessoas sabem que a tiragem é limitada.”

Para baratear os custos de produção, além da tiragem industrial, muito maior que a de costume da Maria Filó, foram feitas adaptações para materiais mais viáveis. Com exceção das peças de couro sintético, que têm aparência OK, mas toque de plástico, o resultado é acima da média. Peças forradas, com aviamentos personalizados e materiais honestos fazem da parceria entre Maria Filó e C&A uma das melhores até agora.

Andressa Zanandrea

Autor: Tags:

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012 Dicas, Temporadas internacionais | 09:00

A London Fashion Week e o Carnaval

Compartilhe: Twitter

Sem ideias de como arrasar nesta segunda-feira (20), mais um dia de folia do Carnaval 2012 no Brasil? O iG Moda selecionou algumas opções de maquiagens e cabelos que chocaram (no melhor dos sentidos) nas passarelas da Semana de Moda de Londres, temporada de Inverno 2012/13, que ocorre até o dia 22 deste mês na terrinha de Kate Middleton.

Todas as sugestões levantam qualquer look basiquinho, pode acreditar! Preparadas?

O make up de Corrie Nielsen Inverno 2012/13, simetria e lábios em evidência:

O duo da Fyodor Golan sugere maquiagem mais agressiva, que valoriza sobrancelha, olhos e boca. Na segunda foto é para radicalizar geral: glitter no corpo inteiro!

John Rocha trouxe make up mais rústico, com tons pastel nos olhos, boca apagada e cabelos completamente armados. Se joga no fixador!

Vivienne Westwood será sempre a transgressora da moda no Reino Unido. Para a “mãezona do punk” vale maquiagem em todo o corpo e não apenas no rosto. O efeito tatuagem (além de charmoso) é uma boa alternativa para pular o Carnaval sem precisar investir em fantasia:

Momento “ARRASOU, ABALOU, CHOCOU”, maquiagem megacolorida e cabelo com releitura dos moicanos punks da Inglaterra dos anos 70 e 80, por Louise Gray:

Divirtam-se na folia (com muito estilo)!

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012 Dicas, Lançamentos | 15:13

Amir Slama para Phebo

Compartilhe: Twitter

O estilista Amir Slama e a perfumaria Phebo selam a parceria, começada em agosto, com o lançamento do kit de sabonetes (R$ 50,40), com a chegada do difusor (R$ 102) e da colônia (R$ 66,15) às lojas Granado e Amir Slama. O aroma foi desenvolvido pela casa de fragrâncias Givaudan e não tem gênero: fica bem em homens e mulheres.

Para chegar à fragrância tropical, que tem notas de laranja, pimenta preta, gengibre, cedro branco, patchouli, vetiver e lima da Pérsia, foram feitos mais de 40 testes, em um processo que levou mais de um ano e meio. “Buscamos um aroma que lembrasse o mar, mas com ar contemporâneo da cidade, que é o que procuro fazer no meu trabalho”, explicou Amir. O resultado é fresco, com requinte e sofisticação. A colônia deve ser usada em abundância, em todo o corpo, várias vezes ao dia.

Autor: Tags:

sexta-feira, 25 de novembro de 2011 Dicas, Lançamentos | 16:22

Os sapatos mais criativos do mundo

Compartilhe: Twitter

Já viu o trabalho do designer israelense Kobi Levi? Graduado pela Academia Bezalel de Arte e Design de Jerusalém, Levi, especialista em sapatos e joias lança uma linha inédita e inusitada de calçados inspirada em bonecas infláveis e órgãos sexuais.

Totalmente inspirado em formas realistas e arquitetônicas, o cara, que já ganhou exposições em cidades como Tel-Aviv, Tóquio, Verona, St. Etienne e Berlim, domina a arte do trabalho à mão, sendo o criador de sapatos em forma de cachorro, escorregador de parque infantil, utensílios de cozinha e tudo o mais que faz parte do mundo real.

Você segura esse look?

Marie Fava, de Londres

Autor: Tags:

sexta-feira, 15 de julho de 2011 Bate-papo, Dicas, Notícias | 07:44

A evolução das revistas de moda

Compartilhe: Twitter

Depois de, nos últimos dois dias, escolher itens que compraríamos entre as vitrines de Milão, discutir sobre blogs, visitar lojas para ver como apresentam seus produtos e assistir ao documentário “The September Issue”, hoje recebemos a redatora-chefe assistente da “L’Uomo Vogue”, Laura Lazzaroni, na nossa turma de Comunicação de Moda na Nuova Accademia di Belle Arti Milano, a Naba. O encontro teve como tema “A ‘L’Uomo Vogue’ e a evolução das revistas de moda”.

Lançada em 1968, a “L’Uomo Vogue” é a única “Vogue” masculina mensal. Em seu trabalho na publicação, Laura, que está lá há  três anos (ela morou em Nova York e, no começo da carreira, 12 anos atrás, escrevia sobre ciência!), confere todas as páginas e acompanha as duas provas de cores, antes de a revista ir para a gráfica.

Desde 2006, a diretora é Franca Sozzani, à frente da “Vogue” Itália desde 1988. Em vez de modelos, a revista usa pessoas reais, com estilo singular, como Al Gore e Nelson Mandela. Franca já fez capas controversas também na “Vogue”, como as sobre cirurgia plástica, modelos negros e plus size.

A “L’Uomo Vogue” faz edições temáticas: Arte (Bienal de Veneza) e Cinema (Festival de Veneza e Oscar – há capas diferentes com cada um dos indicados a melhor ator), por exemplo. A ideia é ser uma revista de moda, mas culturalmente relevante.  Para Laura, as revistas interessantes são as capazes de misturar esses elementos, como também são a “Style” e a “Monocle”.

Laura acredita que as publicações impressas não vão acabar, principalmente as especializadas, mas elas precisam evoluir para sobreviver. A “L’Uomo Vogue” sempre teve no conteúdo sua maior força, mas precisou se modernizar: há dois anos o layout mudou para se aproximar dos da internet e o site da revista foi lançado. O design hoje é mais fragmentado e dinâmico, com flashes de informação que podem ser captados ao passar os olhos. Há referências à web, em geral ao site da revista. Nos sites da “Vogue”, há conteúdos das publicações e outros produzidos para a internet. Na TV online, há cenas de bastidores, coberturas de eventos e entrevistas.

Por isso, as vendas em bancas aumentaram. Há mais contato com os leitores e mais acesso, com feedback imediato, interação e troca de ideias. A revista convida blogueiros para ser jornalistas por um dia, promove concursos de fotografia, castings de modelos e eventos.

Para uma publicação ser relevante, na opinião de Laura, ela deve ser exclusiva, internacional, de alto padrão, culturalmente relevante, capaz de mudar hábitos e chamar a atenção. É preciso ser original e interativa. A revista de moda do futuro não pode ser apenas impressa: ela deve ter um diálogo com o online, um mix de conteúdos originais republicados, menos textos e mais imagens impactantes. O próximo passo da “L’Uomo Vogue” rumo ao futuro é lançar um aplicativo para iPad.

Quem precisar de informações sobre os cursos da Naba e da Domus Academy, em Milão, pode falar com a consultora educacional Paola Croso, representante das instituições no Brasil, pelo e-mail paola@studentsonline.com.br.

Andressa Zanandrea, de Milão

Autor: Tags:

terça-feira, 12 de julho de 2011 Bate-papo, Dicas, Notícias | 17:50

Cursos de verão em Milão

Compartilhe: Twitter

Sala de aula na Nuova Accademia di Belle Arti Milano (Naba)

Para quem tem férias escolares em julho, ou tem a oportunidade de escolher este mês para ficar ausente do trabalho,uma boa dica é se aventurar nos cursos de verão oferecidos por instituições italianas em Milão, a capital mundial da moda. Me planejei desde o final do ano passado e hoje comecei um curso de Comunicação de Moda na Nuova Accademia di Belle Arti Milano, a Naba. O curso tem duração de duas semanas e pode ser combinado com até outros dois com a mesma duração, num total de quatro ou seis semanas. Há opções como Styling e Design de Moda.

Na minha sala há 21 alunos inscritos, com idades a partir dos 17 anos e diferentes formações e campos de atuação. Há pessoas de lugares, como Hong Kong, Síria, Equador, República Dominicana, Turquia e Estados Unidos, e o professor, Damon Pittman, é norte-americano. As aulas são em inglês e vão das 10h às 17h.

Neste primeiro dia, além de conhecermos a escola, o professor e os colegas, também discutimos os dois termos que compõem o nome do curso: comunicação e moda. A troca de ideias e experiências promete!

Quem precisar de informações sobre os cursos da Naba e da Domus Academy, em Milão, pode falar com a consultora educacional Paola Croso, representante das instituições no Brasil, pelo e-mail paola@studentsonline.com.br.

Vou contar, aqui no blog do iG Moda, algumas coisas desses meus dias aqui em Milão. Arrivederci!

Andressa Zanandrea, de Milão

Autor: Tags:

sexta-feira, 10 de junho de 2011 Dicas, Lançamentos, Notícias | 19:15

Lily Allen, estilista

Compartilhe: Twitter

Lembra quando o iG Moda contou que a cantora britânica Lily Allen lançaria uma linha de roupas especial para o brechó de luxo que ela tem com a irmã, Sarah Owen, em Londres? Nesta semana as roupas chegaram à loja de artigos de segunda-mão (muitos, inclusive, faziam parte do acervo de Lily) e já são o maior sucesso. Na tarde desta sexta-feira fui conferir as novidades no Lucy in Disguise e adorei a minicoleção. Tirei umas fotos (quando nenhum vendedor estava olhando) das peças, que custam em média 250 libras (aproximadamente R$ 750).

As roupas (18 peças na coleção) são bem vintage, ao estilo de Lily, que em entrevista à Vogue.com afirmou sempre usar peças retrô, mesmo antes de ser mundialmente famosa. Tem vestido cinquentinha, macacão à moda dos anos 1970, pretinho básico, vestido míni navy, estampas pin up, kaftãs transparentes e esvoaçantes…

Confira algumas das peças direto do brechó Lucy in Disguise, localizado no bairro charmoso de Covent Garden, em Londres:

A coleção de Lily Allen está repleta de vestidos de vovó, com florais à moda inglesa e estampas pin up

O vestido míni navy tem as costas abertas e detalhes em dourado, quase uma fantasia

Uma das paredes do Lucy in Disguise, com três peças da coleção de 18 itens assinada por Lily Allen

Vestido de festa à moda melindrosa, com canutilhos e paetês, na vitrine do brechó de Lily Allen

Vestido de lenço bem cinquentinha (também deste em azul)

Lucy in Disguise
10-13 King Street
Covent Garden
Londres
WC2E 8HN

Marie Fava, de Londres

Leia também
Conheça o Lucy in Disguise, o brechó da cantora Lily Allen, em Londres

Autor: Tags:

sábado, 28 de maio de 2011 Dicas, Peça a peça, Tendências | 19:33

Moda de luxo em Capri, Itália

Compartilhe: Twitter

Capri, na Itália, está repleta de lojas da “alta moda”, com marcas italianas (e outras, como a Hermès, a Louis Vuitton) como Prada, Miu Miu, Dolce & Gabbana, D & G, Missoni, Valentino… Enfim, váááárias grifes espalhadas pelo centro charmoso da cidadezinha mediterrânea, ao lado de Napoli. Cliquei as principais vitrines para mostrar como estão as lojas nesta Primavera 2011, que atraem milhares de turistas diariamente, ainda mais agora que as temperaturas por aqui já chegam aos 30º C. Confira!

Ah, também cliquei a casa que o estilista italiano Valentino Garavani tem na ilha, no alto de uma colina de pedras, a beira do Mar Mediterrâneo. Coisa fina…

Bolsa brilhante na vitrine da Prada

Bracelete poderoso da joalheria italiana La Fiorente Gioielli

Bolsinhas da Valentino

Lindos os sapatos femininos ao estilo masculino na vitrine da Hermès

Achei uma loja multimarcas que vende Melissa por 120 euros

As bolsas da vitrine da Fendi

Biquíni na vitrine da Missoni

Bolsa floral na vitrine da D&G, a segunda linha da Dolce & Gabbana

Correntes e bolinhas na vitrine da Dolce & Gabbana

Jaqueta de camurça com franjas na vitrine da Gucci

Look Moschino

Rasteira metálica e maxibolsa fluo na vitrine da Miu Miu

Casa do estilista Valentino em Capri

Malas Louis Vuitton na saída de um hotel de luxo, em Capri

Marie Fava, de Capri

Autor: Tags:

sexta-feira, 20 de maio de 2011 Dicas, Peça a peça | 15:04

Mania de carteiro continua na moda (em Londres, pelo menos)

Compartilhe: Twitter

A moda da bolsa carteiro, lançada pela fashionista e apresentadora de televisão inglesa Alexa Chung, no ano passado, continua com tudo aqui em Londres. No fim da tarde (aqui já são sete horas da noite) desta sexta-feira, 20 de maio, passei na Topshop para ver o que rola de novidade  e a loja (fui na da Oxford Street) estava repleta de bolsas tipo carteiro (não tem nenhum trocadilho fashion, o modelo parece bolsa de entregar carta mesmo, daquelas mais antigas dos anos 50, por exemplo).

Adorei as peças com franjas, que estão beeeem em alta por aqui. Não resisti e cliquei algumas bolsas, com o celular mesmo. Afinal, de que adianta a dica sem a imagem? A bolsa carteira deixa o look retrô e ao mesmo tempo atual, já que é um dos modelos da vez. É prática, já que a maioria vem com alça comprida, o que significa mãos livres!

Veja e inspire-se:

As bolsas modelo carteiro dominam as araras da Topshop em Londres

Modelos de mão, ao estilo das pastas para documentos e notebook

A bolsa carteiro com franja está entre as mais vendidas, de acordo com os funcionários da Topshop

Tem modelo bem tradicional

Uma das novidades desta Primavera 2011 da Topshop é a bolsa carteiro de camurça

Alexa Chung e a famosa bolsa da Mulberry

Em São Paulo, a Pop Up Store tem uns modelos lindos. Outras marcas brasileiras que comercializam a bolsa carteiro são: Ellus, Shoestock, Arezzo, Corello, Santa Lolla, Dumond, Longchamp, Capodarte. A Louis Vuitton também tem, mas prepare-se para o preço mais “salgado”.

Topshop
216 Oxford Street
Londres, W1D 1LA

Marie Fava, de Londres

Autor: Tags:

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última