Publicidade

Arquivo da Categoria Abre o baú

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011 Abre o baú, Notícias | 11:56

Londres: aberta a temporada de leilões da moda

Compartilhe: Twitter

Na terça-feira (29), o vestido de chiffon usado pela cantora Amy Winehouse (1983-2011) foi vendido na casa de leilões Kerry Taylor por mais de 40 mil libras (R$ 120 mil), para um museu privado do Chile. Agora,  a Christie’s, outro estabelecimento famoso pelos leilões mais badalados da capital inglesa, coloca à venda vestidos que são verdadeiras obras de arte, como o “Mondrian”, por Yves Saint Laurent, de 1966 e um original Paco Rabanne todo feito de medalhas. São 132 peças da Alta Costura que fizeram história no século 20, nesta exposição que recebe o nome “Fashion”, na qual tudo está aberto aos lances de compradores do mundo inteiro. O leilão ocorre nesta quinta-feira, 1º de dezembro.

Veja o que está exposto na Christie’s:

Uma funcionária "ajeita" o vestido YSL inspirado na obra de Mondrian

O vestido Paco Rabanne

Mais roupas da exposição "Fashion"

Também fazem parte da mostra peças de Pierre Cardin, Valentino e Azzedine Alaïa. A estimativa é de que cada vestido seja vendido por ao menos 30 mil libras (R$ 90 mil). Já pensou em ganhar um desses de Natal?!

Christie’s
85 Old Brompton Road
Londres, SW7 3LD

Marie Fava, de Londres

Autor: Tags: , ,

quinta-feira, 25 de agosto de 2011 Abre o baú, Peça a peça | 16:02

Amy, a rainha de Camden Town

Compartilhe: Twitter

Faz pouco mais de um mês que a cantora britânica Amy Winehouse foi encontrada morta em sua casa em Londres, aos 27 anos de idade e hoje ela já é um marco do bairro de Camden Town, onde morava. Diversas banquinhas do mercado aberto do descolado bairro londrino, onde Amy era vista frequentemente, em pubs, mercados, restaurantes e outros estabelecimentos comerciais, estão vendendo camisetas em homenagem à artista polêmica, com estampas-retrato e o slogan “Amy Winehouse, Queen of Camden” (Amy, a Rainha de Camden), por 12 libras em média (aproximadamente R$ 36).

De acordo com um dos vendedores do mercado aberto de Camden Town, a procura por camisetas e outros objetos com a imagem de Amy aumentou muito após o dia 23 de julho, quando ela foi achada morta.

Veja:

RIP, Amy.

Rehab in the sky!

Marie Fava, de Londres

Autor: Tags:

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011 Abre o baú, Mas que Beleza!, Teu passado te condena | 18:51

O novo integrante do Village People é…

Compartilhe: Twitter

… Bryan Boy, o blogueiro fashionista que veio para o Brasil e ficou fazendo o blasé nas semanas de moda do Rio e São Paulo, temporada de imverno 2011. Mesmo assim, arrasou no cocar-Chewbacca, já pode ser Village People.

Bryan Boy na Semana de Moda de Nova York, no dia 14 de fevereiro de 2011

E para matar a saudade,  o Village People. A foto é do site oficial do grupo que revolucionou a disco music no fim dos anos 70, com o sucesso “Macho Man”. Arrasaram!

Macho, macho man!

Autor: Tags:

domingo, 13 de fevereiro de 2011 Abre o baú, Dicas, Notícias, Peça a peça, tapete vermelho, Tendências | 22:07

Confirmou: cisne na moda

Compartilhe: Twitter

A cantora Bjork já havia cantado a bola com o vestido bizarro de cisne em 2011, na edição 73 do Oscar.

Bjork, no vestido-cisne assinado por Marjan Pejovski

Miu Miu arrasa na estampa de cisne na coleção rtw de primavera-verão 2011.

Miu Miu Verão 2011

O filme do ano é “Black Swan” (Cisne Negro), estrelado por Natalie Portman, que já ganhou o prêmio de melhor atriz no Globo de Ouro 2011 e é forte candidata a faturar o Oscar deste ano. O filme é incrível, traz dança, psicologia e um figurino de tirar o fôlego Se você ainda não viu, VEJA!

Natalie Portman em sua atuação em Black Swan, vestida de cisne negro

E na noite deste domingo, 13 de fevereiro, a maravilhosa Florence Welch, vocalista da banda Florence and the Machine, usa vestido Givenchy com acabamento de cisne na premiação do Grammy 2011. Nada mal!

Florence de Givenchy

Tchaikovsky deve estar orgulhoso!

Autor: Tags:

quinta-feira, 15 de julho de 2010 Abre o baú, Dicas | 09:35

Mini dicas para não errar na mão com a roupa antiga

Compartilhe: Twitter

Como já contamos aqui, foi a partir de 1996 que usar roupas antigas virou moda. Mas, para não errar na mão na hora de montar um look com peças antiguinhas, seguem algumas mini dicas para conferir diante do espelho antes de sair de casa:

– Não vista “vintage”dos pés até a cabeça. A idéia não é sair por aó com um figurino de época.

– O mais legal é quando misturamos peças antigas com itens modernos. Sem restrições.

– Quem ainda resiste a idéia de usar roupas antigas, pode incrementar a produção com acessórios. Óculos com formatos inusitados, colares, brincos e pulseiras vistosas, bolsas e sapatos de outras épocas são algumas opções para um look indivudual.

Autor: Tags:

quarta-feira, 23 de junho de 2010 Abre o baú, Dicas | 09:09

Por que usar roupa antiga é tão legal?

Compartilhe: Twitter

Vira e mexe a gente fala sobre lugares legais onde é possível comprar roupas antigas. Então, olha que legal: essa semana o vídeo em destaque do site da Vogue norte-americana, o Style.com,  é exatamente uma gravação no próprio evento! Com direito à explicação da organizadora da feira mais o palpite de duas designers de moda viciadas em comprar roupa antiga.

O título do filme é exatamente: Por que é tão legal comprar roupas vintage! Ah, ele está em inglês e não tem legenda. =(

 

Para ver dicas de onde comprar roupa antiga na Argentina, clique aqui.

Para ver dicas de onde comprar roupas antigas em Nova York, clique aqui.

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 8 de junho de 2010 Abre o baú, Peça a peça | 09:27

O passado do corset de Beyoncé

Compartilhe: Twitter

Kate Pery, Lady Gaga e até mesmo Beyoncé vêm difundindo uma moda bem sexy e sensual. Na realidade, Dita Von Teese foi a precursora desse estilo chamado de pin up. O termo surgiu em 1941 mas, ilustrações fazendo alusão à essas mulheres são documentado de 1890.

Beyoncé com corset de Tierry Mugler durante sua turnê “I am… Sasha Fierce”

Um acessório bem característico dessa moda é o corset: um espartilho que cobre do tronco ao quadril, usado primeiramente pelas mulheres da civilização micênica. Para manter o corset rígido, eram usados passadores verticais, seguindo a linha do corpo, por onde se enfiavam as barbatanas de baleia (!!!) Imagina só a dor de usar isso all day long! Claro que hoje em dia existem materias tão resistentes quanto e que não machucam tanto assim as mulheres, como a peça de Tierry Mugler usada por Beyoncé em sua turnê “I am… Sasha Fierce”

(1) Corset com minipetticoat de babadinhos, usados em 1920 e 1921
(2) Corset com sutiã e painel de elástico com canelado horizontal na frente, usado em 1930
(3) Corset com painel elástico na frente, usado em 1928
(4) Corset com brasserie (sutiã) de renda, com algodão e elástico pespontado nas laterais
(5) Corset francês usado entre 1910 e 1920
(6) Corset em bicos, com ziper lateral embutido, de 1952

A saber: corset não é a mesma coisa que corselet!! O Corselet é um corpete justo que cobre somente a parte superior do corpo, afunilando até a cintura. O corselet começou a ser usado em 1600 e era obrigatório nos looks femininos até meados do século XX, quando começou a ser substituído pela brasserie (o precursor do sutiã).

Corselet com busto drapeado de 1900

Autor: Tags: , , ,

segunda-feira, 7 de junho de 2010 Abre o baú, Peça a peça | 08:48

Roupa mais antiga do mundo

Compartilhe: Twitter

Lendo o livro “Histoire des costumes du monde”, de Patricia Rieff Anawalt, achei essa imagem aqui: a parte de cima de um vestido da primeira dinastia egípcia, a Tarkhan, datada de 3000 a.C., feita de linho e com as mangas plissadas. O vestido era constituído por um tubo de tecido que formava o corpo da peça e, à ela, foram adicionadas duas mangas. Detalhe: o plissado não era feito a partir de dobras nas peças, mas sim de resina! Hitória da moda é isso aí… =)

Autor: Tags: ,

quinta-feira, 13 de maio de 2010 Abre o baú | 16:03

Imagens marcantes dos 65 anos do Festival de Cannes – Parte I

Compartilhe: Twitter

Todo mundo está  falando do Festival de Cinema de Cannes, que está acontecendo essa semana (10), na França. Como não poderia deixar de ser, fiz para o História da Moda uma maxi galeria com as imagens mais marcantes do tapete vermelho e do lifestyle do Festival, que está para a Europa assim como o Oscar está para os Estados Unidos. Para a moda, os dois são relevantes e ditam tendências. Olhar os looks, as maquiagens, os cortes de cabelo revela a influência do evento.

A “garota oficial de Cannes”, Brigitte Bardot, em 1953. Cintura fina era tendência…

 

Mais Brigitte Bardot, agora em 1955

 

E em 1956, mais desinibida

 

Elizabeth Taylor e Mike Todd em 1957

 

Sophia Loren, em 1955

 

Grace Kelly ao lado de Gene Kelly, em 1955

 

A cantora lírica Maria Callas, em 1960. Ela foi considerada o nome mais importante da Ópera do século 20

 

Diana Dors em 1950

 

John Lennon com sua primeira mulher, Cynthia Lennon, em 1965. Detalhe da meia toda trabalhada! Tendência de hoje…

 

Jane Birkin (foi inspirada nela a bolsa Birkin, da Hermés) e Serge Gainsbourg, em 1974

 

A Princesa Diana também passou por lá. A foto é de 1987 e ela veste uma peça Catherine Walker

 

Olha só a Madonna em 1991! A roupa é Jean Paul Gaultier

 

Em 1993, Claudia Schiffer com seus óculos de gatinha…

 

Em 1996, Eva Herzigova posou ali mesmo, em Cannes, para as lentes de Helmut Newton

 

Em 1997, Kate Moss acompanhada de Johhny Deep usou peça de Giorgio Armani. Fase japonismo total

Penelope Cruz, no decotón e no cabelón, em 2000

 

Kate Moss, de cabelo curtinho e vestido Chanel em 2001

 

Cameron Diaz e Leonardo DiCaprio, em 2002. Ela arrasando na transparência

 

Naomi Campbell em 2002

 

A Parte II vem amanhã, tá?

(Crédito: Getty Image, Look.uk)

Autor: Tags: ,

quarta-feira, 12 de maio de 2010 Abre o baú, História da Moda | 09:00

Dica de exposição: História da Moda Contemporânea, em Paris

Compartilhe: Twitter

Girls, semana que vem estarei em Paris passeando um pouquinho e não vou deixar de conferir uma exposição de História da Moda Contemporânea que está rolando no Musée des Arts décoratifs. A mostra – dívidida em dois períodos: anos 70/80 e 90/2000 – é uma reunião de mais de 150 peças e 40 vídeos inspirada no livro  “Histoire idéale de la mode contemporaine”, organizado por Olivier Saillard, diretor de programação do museu. Em abril, 1970 e 1980 e, em novembro de 2010, uma segunda exposição com o “volume II” das peças, representando os anos 90 e 2000.

Pelo que eu pude ler sobre a expo,  a idéia foi juntar os estilos mais marcantes, os vestidos mais incríveis e criações – juntamente com seus criadores – que realmente fizeram a moda acontecer. Com certeza, vai ser uma delícia ver de pertinho – e ao vivo – o prêt-a-porter de 1970 de Yves Saint Laurent, a primeira coleção assinada por Karl Lagerfeld para a Chanel ( verão 1983) – com presença da modelo Ines de la Fressange na passarela – o primeiro vestido corselet de Jean Paul Gaultier… Ui, ui, ui…

Para quem estiver com viagem marcada, segue o endereço do museu:

Les Arts Décoratifs – Mode et textile

107 rue de Rivoli
75001 Paris

Tél. : 01 44 55 57 50

Autor: Tags: , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última